Radares multam 5 veículos por minuto em SP

A cada minuto, cinco veículos são multados por radares que flagram excesso de velocidade nas estradas paulistas.

No ano passado, os 543 equipamentos instalados em rodovias estaduais e federais aplicaram 2,43 milhões de multas por esse tipo de infração ao Código de Trânsito Brasileiro. Neste ano, o total de multas deve chegar a 2,8 milhões, um aumento de 15%. A frota total do Estado, em abril, era de 21,9 milhões de veículos, incluindo motos. O valor mínimo de cada multa por transitar acima da velocidade permitida é de R$ 85,13.

Nos três primeiros meses deste ano, apenas nas rodovias estaduais 674.331 motoristas foram flagrados em velocidade acima do limite, segundo o Departamento de Estradas de Rodagem (DER). A média, que foi de 190 mil multas por mês no ano passado, subiu para 215,7 mil. As rodovias estaduais têm 512 radares em operação, entre fixos, móveis e portáteis. Deles, 255 estão em estradas concedidas à iniciativa privada.

No ano passado, equipamentos flagraram exatos 2.299.712 veículos em excesso de velocidade, segundo o DER. Outros 31 radares, responsáveis por 130 mil multas em 2010, ficam em rodovias federais que cortam o Estado.

Além de novos radares terem entrado em operação, o cerco aos motoristas infratores também aumentou com as novas tecnologias adotadas pelos fabricantes. Agentes de fiscalização passaram a contar com equipamentos mais eficientes, como, por exemplo, os radares tipo OCR (com reconhecimento ótico de caracteres), também chamados de radares inteligentes ou “dedo-duro”. Seus sensores indicam a velocidade do veículo com mais precisão e também fazem a leitura da placa, possibilitando identificar veículos com licenciamento vencido. Os 42 radares desse tipo em operação nas rodovias estaduais paulistas aplicaram, entre janeiro e março deste ano, 114.277 multas por excesso de velocidade.

As informações são do jornal O Estado de S.Paulo.

Adicionar novo comentario


Todos os direitos reservados a Geektech Tecnologia