Microsoft fez bom negócio ao comprar Skype, analisa IDC

A tecnologia de chamadas da companhia será integrada a alguns produtos da compradora, como o Outlook e o Live Meeting, para fortalecê-los


As ações da Microsoft tiveram uma queda de 0,62% na última terça-feira (11/5), quando a empresa anunciou a aquisição do Skype, uma das mais conhecidas fornecedoras mundiais de serviços de chamadas de voz e vídeo pela internet. Apesar da apreensão dos investidores com a transação, a consultoria IDC avalia que ela deve ser positiva para a compradora, que pode melhorar suas atuais soluções e gerar novos negócios.

A IDC considera que o grande interesse da Microsoft pelo Skype foi em relação à tecnologia utilizada pela empresa – o que também atraiu outros potenciais compradores, como Google e Facebook – e que pode fortalecer seu atual portfólio. Como reflexo, a fabricante do Windows deve integrar as ferramentas da companhia adquirida a alguns de seus produtos, como o Lync (antigo Communicator), Outlook e Live Meeting. Além disso, a empresa já anunciou que vai incorporar as ferramentas de chamada ao Xbox Live, Kinect e Windows Phone.

Outro ganho importante para a Microsoft, analisa a IDC, é quanto à imagem positiva que o Skype tem hoje no mercado e, principalmente, entre seus 170 milhões de usuários.

Já em relação ao fato do Skype ter apresentado resultados negativos, o analista de mercado de software da IDC, Fernando Lima, considera que os prejuízos da companhia estão relacionados a seus modelo de negócios, que se baseia, em grande parte, na utilização gratuita dos serviços.

Adicionar novo comentario


Todos os direitos reservados a Geektech Tecnologia