Cinco dicas para fazer negócios por meio do Facebook

Especialista explica quais os caminhos para ter sucesso com uma loja online na rede social

Uma pesquisa divulgada nesta semana aponta que as ações nas redes sociais contribuem ainda muito pouco para vendas online de produtos e serviços. No entanto, a abordagem correta nesses ambientes pode ajudar a aumentar as chances das empresas ganharem dinheiro, de acordo com muitos especialistas.

Entre os que defendem o uso de redes sociais para melhorar vendas está o CEO da ShopVisible, Sean Cook, que atua há mais de 11 anos com marketing online. Em uma reportagem divulgada pelo Mashable, ele analisa que ambientes como o Facebook podem ser excelentes para montar uma loja online. Mas isso exige uma série de cuidados.

Acompanhe, a seguir, as cinco dicas de Cook para quem quer vender produtos e serviços por meio do Facebook:*

1. Crie algo único
Ele destaca que as empresas não podem replicar o mesmo modelo de vendas de um site tradicional para o Facebook. As ofertas precisam estar adaptadas ao ambiente.

“Considere oferecer promoções exclusivas no Facebook ou deixe os produtos disponíveis [na rede social] antes deles chegarem às lojas”, indica o especialista.

2. Estimule a colaboração

Sean ressalta que o grande segredo do sucesso das redes sociais é a possibilidade das pessoas interagirem e colaborarem nesses ambientes. Assim, as empresas que querem chamar a atenção dos clientes para suas lojas no Facebook precisam assumir essa postura e estimulá-la.

O mais importante, de acordo com o especialista, é criar mecanismos que incentivem a divulgação boca-a-boca na rede social. “As lojas que oferecem listas de desejo, experiências colaborativas de compra e estimulam a colaboração no Facebook irão, provavelmente, ver um aumento no tráfego e nas vendas”, analisa.

3. Gere uma experiência exclusiva
As pessoas gostam de se sentir importantes nas redes sociais, afirma o CEO da ShopVisible, explicando que isso acontece quando os usuários têm acesso a informações privilegiadas e podem convidar outros para fazer parte de um seleto grupo nesses ambientes. Assim, ele aconselha que as empresas que têm lojas no Facebook deixem os seus clientes ou seguidores serem os primeiros a acessar novas campanhas, peças de edições limitadas e produtos exclusivos.

Ainda de acordo com ele, isso estimula que os próprios usuários divulguem essas informações para outras pessoas nas redes sociais e, assim, transformem os produtos oferecidos no Facebook em objetos de desejo de muitos usuários.

4. Invista em segurança e privacidade

Boa parte dos consumidores desiste de entrar em uma página do Facebook quando, logo de cara, ela pede a permissão para usar os dados dessa pessoa, de acordo com Sean. A dica do especialista é se preocupar em, sempre que exigir que o usuário instale um aplicativo, informar a ele quais os dados específicos que serão monitorados pelo programa.

Ele aconselha também que oferecer ferramentas já conhecidas de pagamento melhoram a confiança do usuário para comprar um determinado produto no Facebook. Mas, mais do que isso, as empresas precisam exigir que todos os seus parceiros tenham tecnologia que garanta o máximo de segurança aos clientes.

5. Facilite a navegação
“Não quer perder seu cliente? Se assegure que sua loja no Facebook é fácil e intuitiva para navegar”, pontua Sean. “Os usuários não devem gastar mais de dois ou três ‘cliques’ para descobrir o produto que eles estão procurando”, complementa.

Recentemente, o Facebook lançou links de navegação customizada no lado esquerdo da página. Quem vende produtos pela rede social pode usar esses links para facilitar o acesso dos clientes a suas principais categorias de ofertas, aconselha o especialista.

*Informações retiradas de matéria divulgada no Mashable

Adicionar novo comentario


Todos os direitos reservados a Geektech Tecnologia