Google Maps monitora furacão Irene

O furacão Irene, que passa neste final de semana pela Costa Leste americana, está sendo acompanhado de perto pelo Google.

A empresa de busca adicionou ao Google Maps, seu serviço de localização, uma página especial que monitora os passos do furacão. E mostra, em tempo real, seu provável destino e, também, a intensidade dos ventos e das chuvas que o acompanham.

Para atualizar o mapa, o Google usa informações de várias fontes, sendo a principal a National Hurricane Center, órgão americano que monitora os furacões que passam pelos Estados Unidos. Com isso, o serviço diz com precisão os riscos que o furacão traz.

Nesta manhã, o Irene chegou aos EUA com uma intensidade nível 1, ou seja, moderado mas capaz de causar estragos e mortes. Na sua passagem pela região Caribenha, o furacão Irene matou três pessoas, além de deixar inúmeros feridos, desabrigados e causar grande estrago material.

Acompanhando desastres

Não é a primeira vez que o Google auxilia países em desastres naturais. Neste ano, em março, a empresa capturou uma série de imagens do terremoto que atingiu e causou um tsunami no Japão. Na época, o Google repassou os dados do satélite para as autoridades e organizações que ajudaram no resgate de vítimas e na reconstrução do Japão.

(Fonte: Info Exame)

Adicionar novo comentario


Todos os direitos reservados a Geektech Tecnologia