Estudo comprova que nerds são melhores na cama

Um estudo realizado na Inglaterra mostra que os profissionais da área de TI são os mais preocupados com o parceiro na hora do sexo.

A pesquisa, realizada pelo site PS3PriceCompare, perguntou a 2084 homens e mulheres (56% do sexo masculino e 44%, feminino) segmentados em sua profissões algumas questões relacionadas a sua rotina sexual. Quando perguntados se consideravam as necessidades do seu parceiro acima das suas, 82% dos “IT workers” responderam que sim, contra 74% dos segundos colocados, os trabalhadores de escritórios, e 41% que trabalham com esporte e fitness – últimos colocados.

Quando perguntado “Você utiliza regularmente brinquedos sexuais com seu parceiro?”, os campeões foram novamente a turma dos analistas, desenvolvedores, webdesigners etc. Oito em cada dez trabalhadores do setor tecnológico disseram que os “gadgets” para fins sexuais têm papel importante nas suas relações. Os esportistas novamente foram os menos adeptos e esse tipo de criatividade – apenas três em dez utilizam algum tipo de artifício.

Se na qualidade do relacionamento, os nerds dão um banho em outros profissionais, a quantidade já não é tão espetacular. Apenas 38% dos trabalhadores de TI disseram ter relações sexuais três ou mais vezes por semana. Essa frequência foi dita por mais da metade dos trabalhadores de escritório e e por 47% dos profissionais do esporte. Empresários ficaram na lanterna – apenas 21% diz fazer sexo três ou mais vezes por semana.

Veja o original da pesquisa em inglês no site SourceWire

(Fonte: Info Exame)

Adicionar novo comentario


Todos os direitos reservados a Geektech Tecnologia