Especialistas afirmam que sites pornográficos são mais seguros que os religiosos

As páginas mais perigosas para se entrar na internet não são de pornografia, como se imaginava, e sim, religiosas. É o que afirma a pesquisa feita pela empresa de segurança na web Symantec.

Em seu relatório anual de segurança na internet, a empresa mostrou que o número médio de ameaças ao computador em um site religioso é  115. Enquanto isso, em uma página pornográfica a média é de 25 ameaças.

Segundo a pesquisa, falsos antivírus são os principais problemas encontrados nas páginas de conteúdo religioso. Apenas 2,4% dos sites pornográficos analisados pela Symantec estavam infectados. O relatório ainda mostra que 19,8% do total de blogs apresentavam algum tipo de ameaça ao computador do usuário.

Ataques diários

De acordo com o relatório, em 2011 houve um aumento de 81% nos ataques feitos pela web. Foram contabilizados pela empresa 4,5 mil ataques por dia. E o número de sites infectados encontrados diariamente em 2011 chegou a quase 10 mil.

Já o número de Spams caiu 13%. A média de emails com vírus encontrados em 2011 foi de 1 para cada 239 mensagens.

(Fonte: Uol Tecnologia)

Adicionar novo comentario


Todos os direitos reservados a Geektech Tecnologia