BlackBerry se desculpa por ações em Londres

Manifestantes estão usando app BlackBerry Messenger para a organização dos protestos; empresa diz que vai colaborar com autoridades

A fabricante de smartphones Research in Motion, dona da marca BlackBerry, pediu desculpas pela onda de protestos que tomou conta da capital inglesa desde o último sábado.

“Sentimos por aqueles afetados pelos tumultos em Londres. Nós nos comprometemos com as autoridades para auxiliar no que for possível”, informou a empresa por meio de um tuíte publicado pela conta @UK_BlackBerry.

De acordo com o jornal Guardian, os manifestantes estariam usando o BlackBerry Messenger (BBM), aplicativo da empresa que permite a troca gratuita de mensagens de texto entre seus usuários, para organizar os protestos.

O BBM teria sido adotado pelos manifestantes devido às suas opções de privacidade. Como o app permite o envio de uma mensagem para múltiplos contatos de forma simultânea, ele se tornou uma ferramenta de mobilização. De acordo com uma pesquisa da OfCom, o BlackBerry é o smartphone líder de mercado entre os jovens ingleses, com 37% do mercado.

Os protestos em Londres começaram no sábado, após a morte de Mark Duggan, 29, pela polícia, em condições ainda não esclarecidas. O homem foi morto na quinta-feira (04). Duggan seria pai de quatro filhos e popular no bairro de Tottenhan, onde vivia no norte de Londres.

Inicialmente os protestos foram organizados e divulgados por meio do Facebook e do Twitter. Mas a polícia inglesa logo passou a monitorar as redes sociais. Para evitar a antecipação das autoridades, os manifestantes passaram a usar o BBM.

(Fonte: Info Exame)

Adicionar novo comentario


Todos os direitos reservados a Geektech Tecnologia